O Benfica foi condenado a mais dois jogos de interdição do Estádio da Luz por apoio a claques não legalizadas.

Em causa está o jogo com o Sp. Braga, disputado a 18 de dezembro do ano passado, a contar para os oitavos de final da Taça de Portugal, em que a secção não profissional do Conselho de Disciplina (CD) considerou provado que houve concessão de apoios e facilidades a No Name Boys e Diabos Vermelhos.

O Benfica pode agora recorrer para o Tribunal Arbitral do Desporto (TAD), com providência cautelar para suspender os efeitos da sanção. Algo que fonte das águias confirmou ao nosso jornal que será feito.

As águias recordam, aliás, recentes decisões do TAD a dar-lhes razão em processos semelhantes, sendo que numa delas o acórdão determina que o CD não tem competência para se pronunciar nestas matérias. Algo que o órgão federativo contesta, ao abrigo da Lei 39/2009.

Além dos dois jogos de interdição, os encarnados foram também condenados ao pagamento de uma multa de 1.020 euros.