Andaram tão indignados com a BTV. Chegaram a pedir o despedimento das pessoas e que a ERC tivesse agido contra o canal assim como a carteira de jornalistas.

Na semana passada tivemos o depoimento de Júlio Magalhães sobre o caso dos e-mails dizendo que não sabia de nada. No entanto deixou prolongar até vir a decisão da ERC um ano depois. Agora será que Júlio Magalhães não sabia do vídeo que passou no Porto Canal apelando à violência? Quem faz o apelo é um treinador da formação.